Escolha uma Página

Conheça os tipos de esquadrias disponíveis no mercado e saiba qual modelo utilizar em seu projeto. Esta dica te ajudará a definir o material das portas e janelas, alem de explicar as vantagens e desvantagens de cada modelo de esquadria.

Devo usar esquadrias de alumínio ou esquadrias de PVC? A maioria das pessoas que constroem já fizeram essa pergunta.

Atualmente encontramos no mercado os seguintes tipos de esquadrias:

Esquadria de Alumínio: As portas e janelas de alumínio são amplamente utilizadas por estarem há mais tempo no mercado e apresentarem algumas vantagens como custo beneficio, durabilidade e versatilidade. A ausência de manutenção é outra qualidade das esquadrias de alumínio. Também podemos destacar a baixa condutividade do alumínio, que assim como a esquadria de PVC auxilia no consumo de energia quando pensamos em ar condicionado.

esquadria-aluminio-porta-balcao-sasazaki

Esquadrias de PVC: Possuem custo um pouco mais elevado que as esquadrias de alumínio, mas destaca-se pela estética e qualidade. Conhecido pelos engenheiros e arquitetos como o modelo mais indicado para quem deseja silencio e vedação térmica. A segurança também e um ponto forte as esquadrias de PVC pois contam com um perfil ou alma reforçada. A esquadria em PVC tem se tornado o modelo de maior preferência pelos projetistas por ser um produto sustentável e garantir maior estanqueidade alem de ser considerado o mais pratico no dia a dia.

esquadria-pvc-porta-balcao-campinas

Esquadrias de Madeira: As portas e janelas em madeira encontram-se em desuso devido ao custo da matéria prima que vem subindo por motivos ecológicos, em algumas regiões do pais ainda são amplamente utilizadas. Outro fator que notamos nas esquadrias de madeira e a necessidade de manutenção constante. As portas internas ainda são bastante comuns no Brasil, mas em países da Europa e nos Estados Unidos as portas de madeira estão sendo substituídas pelas portas de pvc.

porta-balcao-madeiras

Esquadrias de aco: Apresenta o menor custo, porem perde em comparação com os demais modelos em todos aspectos. Porem alem da estética ficar comprometida, a pintura na maioria das vezes é feita de forma manual pelo pintor da casa o que prejudica a durabilidade. Geralmente existem modelos prontos no mercado como sasazaki que não são adaptados aos projetos de forma individual como nas esquadrias de madeiraesquadrias de PVC e esquadrias de Aluminio.

Vidro: sistema apenas em vidro, normalmente temperados, com pequenos perfis cantoneira de alumínio em suas laterais. Também são conhecidos como “blindex”. O interessante desses sistemas é a transparência obtida, como um pano de vidro inteiriço quando fechado. O aspecto ruim é que não é possível realizar todos os tipos de aberturas comentados com esse sistema e a falta de estanqueidade o que compromete o conforto no dia a dia. Fatores como calor, frio, poeira e insetos podem passar facilmente pelos vãos.

Agora que já conhecemos os materiais e os tipos de esquadrias, vamos entender as tipologias ou sistemas:
Os sistemas básicos de esquadrias são: Esquadrias de CORRER, Esquadrias de ABRIR, Esquadrias MAXIMAR, Esquadrias OSCILOBANTE e Esquadria FIXA. Além destes sistemas, ainda podemos encontrar os modelos de esquadrias especiais como Guilhotina, pivotante, paralelo, elevatório e esquadria pantográfica.

Fonte: suaobra

Contact Person WhatsApp
%d blogueiros gostam disto: